Facebook Twitter YouTube Notícias em RSS
Versão para impressão Diminuir tamanho das letras Voltar Página inicial Aumentar tamanho das letras


Notícias

  12/12/2015 
SESSÃO SOLENE

Câmara realiza homenagem aos 91 anos da União dos Escoteiros do Brasil

Foto: André Lima/CMFor
 
 
A Câmara Municipal de Fortaleza realizou nesta sexta-feira (11) Sessão Solene, conjuntamente com a Assembleia Legislativa do Ceará, em homenagem a União dos Escoteiros do Brasil, pelos 91 anos de atuação no país e 125 anos do movimento escoteiro em escala mundial. O evento teve como propositores o vereador Evaldo Lima (PCdoB), líder do governo na Câmara Municipal, e o deputado estadual Bruno Pedrosa.
 
A sessão foi presidida pelo vereador Evaldo Lima, representando no ato o presidente da Câmara, vereador Salmito Filho (PDT). A mesa foi composta pelas seguintes autoridades: deputado estadual Bruno Pedrosa; Alexsandra Macedo, primeiro-tenente, representando o capitão dos Portos, Marcelo Campbel; Luíza Flávia Rodrigues Soares, presidente da União dos Escoteiros do Brasil; Deusmar Queiroz, primeiro vice-presidente do Clube de Dirigentes Lojistas (CDL) e presidente da Associação Brasileira de Redes de Farmácia; segundo tenente Caio Parente, representando o tenente-coronel Santos Filho, comandante do 23º BC; e o frei Pedro Lima, reverendíssimo da Igreja Anglicana.
 
Em sua saudação aos presentes, o vereador Evaldo Lima afirmou que o escotismo é uma escola de cidadania, “é um lugar de se encontrar o caminho da felicidade na busca de fazer outras pessoas felizes. Nessa pressa dos tempos modernos vemos as pessoas individualistas e os escoteiros são o contraponto do egoismo. Eles são altruístas. Os escoteiros têm escrito belas páginas de serviços sociais pelo mundo. Ao longo de mais um século, eles trouxeram à sociedade moderna um novo prisma para a educação. Graças a organização mundial conseguimos sensibilizar a massa que o bem ainda vale a pena”, revelou.
 
“Mas como o escotismo contribui para a sociedade? Os treinamentos são vários. Eles se preparam para se relacionar com o mundo, para trazer a solidariedade e a segurança. Têm dentro de si, o desejo de se tornar exemplo de fraternidade, lealdade, responsabilidade, respeito e disciplina, através do amor pelo próximo, transvestido em boas pratica. Hoje, os filhos de Caio Viana Martins, ícone do escotismo brasileiro, guardam a honra de usar as vestes dos escoteiros, e de levar o consolo aos mais humildes, o curativo aos feridos e regojizar-se com a alegria dos outros. Escoteiro significa ser pregador da paz. É uma grande família, que se tornou o lugar ideal para verdadeiras e eternas amizades. Ser escoteiro significa fazer novos irmãos. A honra do escoteiro é ser digno de confiança. Outro papel é formar cidadãos leais aos seus. Deixo aqui minha saudação. Parabéns pelo compromisso, pelo empenho e por sua verdade, mas parabéns também por serem gigantes de espírito, Viva aos escoteiros do Brasil”, destacou o parlamentar.
 
Em seguida, o deputado Bruno Pedrosa, coautor da homenagem, usando a palavra disse estar honrado de fazer parte da solenidade. “Uma entidade reconhecida como utilidade pública que leva sua mensagem a todo o país. Parabenizo a União dos Escoteiros por levar essa prática para cidades do interior. Essa iniciativa contribui para a formação do caráter e formação de cidadãos responsáveis pelo meio ambiente”, pontuou.
 
“Sou de Ipú e houve um incêndio perto da Bica do Ipu, nesses dias. E saibam, que uns dos grandes responsáveis pela contenção do incêndio foram os escoteiros. Como os Bombeiros mais próximos estavam em Sobral, há 120 km de Ipu, os escoteiros foram fundamentais nesse trabalho. Por isso parabenizo a vocês por essa dedicação pela causa do meio ambiente”, observou.
 
O deputado disse que tem dois projetos de sua autoria tramitando na Assembleia. Um deles é a criação do dia estadual do escoteiro no dia 23 de abril. “Outro projeto vai permitir que universidades estaduais e parques estaduais possam estar integrados com os escoteiros, para que agente possa manter e equipar os ambientes. Hoje há dificuldades dos escoteiros agirem em certas áreas. Essa proposta vai permitir que esses locais possam receber vocês. Estamos assim participando do bem do nosso Planeta. Quero agradecer pelo convite para participar desse evento. E afirmo que cultivar a cidadania, cultivar o meio ambiente não é tarefa fácil, mas vocês têm contribuído muito com isso, meus parabéns!”, concluiu.
 
Em seguida, foram entregues placas pelos 91 anos da União dos Escoteiros do Brasil às personalidades: Carlos Campelo, secretário-executivo da Secretaria de Esportes, ex-militante estudantil; Júlio Brizzi, advogado, ex-coordenador dos Jovens Advogados e ex- superintendente do Trabalho no Ceará e Régis Bezerra Costa, professor.
 
Luíza Flávia Rodrigues Soares, presidente da União dos Escoteiros do Brasil, falou em nome dos agraciados. “Pela aplicação de seu método de educação complementar, o movimento escoteiro acredita que o futuro humano defende da forma como se educa e protege nossas crianças e adolescentes. Hoje, a sociedade encontra novas tecnologias que melhoram a qualidade de vida, contudo a oferta desses bens ocorrem de forma desordenada e muitas pessoas ficam às margem desse progresso, principalmente os mais jovens. A União dos Escoteiros tem como função atuar em prol dessas pessoas. A União reforça seu papel de trabalhar em prol das crianças e jovens. Queremos ser referência na busca de uma sociedade justa, fraterna. Já capacitamos 100 milhões de jovens no mundo e assim seja sempre alerta pra vocês”.
 
Em seguida falou Carlos Campelo, secretário-executivo da Secretaria de Esportes de Fortaleza. “É uma emoção participar de um momento desse que traz lembranças pra nós que participamos desse movimento. Fui do 8º Grupo Escoteiro. Lá fiz diversos amigos, e dentro deles temos vários chefes, como o jornalista Eduardo Nunes Freire. Agente fica lembrando do primeiro acampamento. Tinha 11 anos de idade em Ipú, fizemos grandes atividades lá. Fiquei até 1985, fui o segundo escoteiro nível ouro do Ceará.”
 
“Hoje o que resta a gestão pública são os preceitos e fundamentos que nos norteiam a vida toda e o movimento escoteiro complementa esses valores, pois não tem cor, não tem preconceito. Uma coisa que fica na nossa memória. Nós fizemos uma promessa. Todos os fundamentos que nortearam a vida de muitas pessoas. Quando assumi a secretaria-executiva da Secretaria de Esportes, eu entreguei ao prefeito Roberto Cláudio, minha promessa escoteira e pedi para que todo secretário e servidor público pudesse fazer essa promessa. Todos esses valores nortearam minha vida. Por isso agradeço aos escoteiros do Brasil”, concluiu.
 
Em seguida, a União dos Escoteiros do Brasil também fez a entrega de comendas as seguintes personalidades: deputado Bruno Pedrosa; José Teógenes Carvalho; vereador Francisco Evaldo Ferreira Lima; o empresário Deusmar Queiroz; e o jornalista e escotista Eduardo Nunes Freire.
 
O empresário Deusmar Queiroz agradeceu a homenagem e lembrou ter sido escoteiro na década de 60. “Foi um período muito rico de minha vida. Estou a frente de um grupo que emprega mais de 20 mil pessoas, e isso não teria acontecido, se eu não tivesse sido escoteiro. Que me deu vontade de vencer. Peço aos chefes que continuem nessa luta. Eu me sentiria muito mal se não viesse aqui falar de minha origem escoteira. Vim de Amontada e aqui fui vendedor de diversos produtos para completar o orçamento de minha casa. Quando entrei no movimento escoteiro tinha 12 anos e lá mudei minha vida. Depois de 50 anos receber uma homenagem da UEB é uma honra, agradeço a todos!”, finalizou.
 
Histórico
 
A União dos Escoteiros do Brasil (UEB) foi fundada em 4 de novembro de 1924. É uma sociedade civil de âmbito nacional, de direito privado e sem fins lucrativos, de caráter educacional, cultural, beneficente e filantrópico, reconhecida de utilidade pública, que congrega os Grupos de Escoteiros no Brasil se estendeo por diversos estados, inclusive o Ceará.
 
Hoje, existem mais de 84.000 escoteiros filiados à União dos Escoteiros do Brasil. A UEB é filiada à Organização Mundial do Movimento Escoteiro. A UEB está organizada em 3 níveis: O Nacional, com autoridade em todo o Território brasileiro; O Regional, denominado Região Escoteira, podendo abranger uma ou mais unidades da federação, ou parte delas, com autoridade sobre a área que lhe for fixada – normalmente compreende os Estados da Federação; O Local, constituído pelos Grupos Escoteiros e Seções Escoteiras Autônomas, que são as organizações locais para a prática do Escotismo.
 
O escotismo foi fundado por Lorde Robert Stephenson Smyth Baden-Powell, em 1907. É um movimento mundial, educacional, voluntariado, apartidário, sem fins lucrativos. A sua proposta é o desenvolvimento do jovem, por meio de um sistema de valores que prioriza a honra, baseado na Promessa e na Lei escoteira, e através da prática do trabalho em equipe e da vida ao ar livre, fazer com que o jovem assuma seu próprio crescimento, tornar-se um exemplo de fraternidade, lealdade, altruísmo, responsabilidade, respeito e disciplina.
 
PROMESSA ESCOTEIRA
 
A promessa escoteira sintetiza o embasamento moral do Movimento Escoteiro. No momento da Promessa, os membros do Movimento comprometem-se voluntariamente a conduzirem-se de acordo com a orientação moral do Movimento, reconhecendo a existência de deveres que têm de ser cumpridos. Os elementos da Promessa Escoteira estão contidos nos Princípios do Movimento Escoteiro.
 
ESCOTISMO NO BRASIL
 
A primeira notícia sobre o Escotismo publicada no Brasil foi no dia 1o. de dezembro de 1909, no número 13 da revista Ilustração Brasileira editada no Distrito Federal, no Rio de Janeiro, e com circulação nacional. A reportagem tinha o título : Scouts e a Arte de Scrutar; ocupava três páginas e apresentava 7 fotografias. A matéria fora preparada na Inglaterra pelo 1o. Tenente da Marinha de Guerra Eduardo Henrique Weaver, onde se encontrava a serviço. Teve, assim, a oportunidade de presenciar o nascimento do Movimento Escoteiro – Scouting for Boys, criado em 1907 pelo General Inglês Baden-Powell – B. P.
 
Na época, juntamente com o Tenente Weaver, encontrava-se na Inglaterra numeroso contingente de Oficiais e Praças da Marinha – preparava-se para guarnecer os novos navios da esquadra brasileira em construção. Um grupo de suboficiais de entusiasmou com o revolucionário método de educação complementar imaginado por B-P. Entre eles estava o Suboficial Amélio Azevedo Marques que fez com que seu filho Aurélio ingressasse em um dos Grupos Escoteiros locais. Assim, o jovem Aurélio Azevedo Marques foi o primeiro Escoteiro Brasileiro ou, mais precisamente, o primeiro Boy Scout Brasileiro.
 
Quando da vinda para o Brasil, os militares trouxeram consigo uniformes escoteiros ingleses, no valor de trinta libras esterlinas. O Encouraçad “Minas Gerais”, navio onde estava embarcada a maioria dos militares interessados em trazer para o Brasil o Movimento Escoteiro, chegou ao Rio de Janeiro em 17 de abril de 1910. No dia 14 de junho do mesmo ano, na casa número 13 da Rua do Chichorro no Catumbi, Rio de Janeiro, reuniram-se, formalmente, todos interessados pelo escotismo e embarcados nos navios que haviam chegado ao Brasil. Naquele local foi oficialmente fundado o Centro de Boys Scouts do Brasil.
 
O evento foi informado aos jornais, os quais publicaram a carta recebida da Comissão Diretora. A correspondência enviada começava nos seguintes termos: À imprensa desta capital, brilhante e poderoso fator de progresso, campeã de todas as idéias nobres, vem o Centro de Boys Scouts do Brasil, solicitar o auxílio de sua boa vontade, o esteio de que necessita para que em todos os lares brasileiros penetre o conhecimento do quanto à Pátria pode ser útil a instrução dos Boys Scouts. Anexo a comunicação foi enviado documento que descrevia as Bases do Centro de Boys Scouts do Brasil.
 
Fonte: Câmara Municipal de Fortaleza
Marcadores: escoteiros ueb evaldo lima sessao solene cmfor
Última atualização: 12/12/2015 às 10:06:49
 
Versão para impressão Diminuir tamanho das letras Voltar Página inicial Aumentar tamanho das letras

Comente esta notícia

Nome
Nome é necessário.
E-mail
E-mail é necessário.E-mail inválido.
Comentário
Comentário é necessário.Máximo de 500 caracteres.
código captcha
Código necessário.

Comentários

Seja o primeiro a comentar.
Basta preencher o formulário acima.

 

Notícias relacionadas

23/12/2016
Evaldo Lima assumirá Secretaria Municipal de Cultura de Fortaleza
20/12/2016
Plano Fortaleza 2040 é destacado por Evaldo
02/12/2016
Evaldo visita escola referência da rede municipal de Fortaleza
01/12/2016
Plano Diretor Cicloviário completa dois anos
24/11/2016
Projeto de Evaldo concede Título de Cidadão Honorífico de Fortaleza ao Jurista Arnaldo Vasconcelos
 
CADASTRO
Nome 
E-mail  Informação necessária.E-mail inválido.
Telefone  Formato inválido.
SITE OFICIAL DO VEREADOR EVALDO LIMA
Rua Dr. Thompsom Bulcão, 830 Gabinete 11 - Luciano Cavalcante
Fortaleza - Ceará  -  CEP 60.810-460                   COMO CHEGAR
(85) 3444-8301  mandatoevaldolima@gmail.com
RECOMENDAMOS
 
www.igenio.com.br